grito na calçada

2 12 2007

sai um sorriso só
uma voz suja
sem saber o que te fará
ficar.

desce uma lágrima
perspectiva muda
são outros olhos mlhados
a te cobrar

respostas insólitas
arco-íris no céu

diante do embruho feliz
ela prefere adivinhar o conteúdo
o castigo está por um triz
não deixe seu nome minpusculo

basta sair da calçada
desfazendo os enfeitos que pôs
em toda algema mascarada
e gritando, para trás, quando ela
– a outra lá – surtada
apropriar-se de vossas cordas vocais

Anúncios

Ações

Information

One response

4 12 2007
Nata

Ui!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: