recarregue a imagem ou #constant+ctrl+s+you

9 06 2010

a cidade já começa a dizer bom-dia. primeiro o som da constância naturalmente silenciosa, suspeita, noturna. então, alguns bichos de manifestam. aos poucos, percebe-se o barulho das máquinas, desde sempre ligadas. como a água, ad eternum. o frio ainda congelada, enquanto não estou, ainda, ocupada. sem palavras, como se ninguém me cercasse de expectativas, requisições, “oi! tudo bom?!”, é como me recomeço. recarrego-me de mim para ir em frente. que bagunça que o dia faz!

deixo os pensamentos correrem soltos sem ir atrás deles e anotá-los em papéis, com canetas… a rapidez do sigitar me acompanha mais fácil. no lápis, somente tópicos, acoleirados a duas, seis palavras. como se as frases já me viessem inteiras, descrevo-as: tento despertá-las.

e o cachorro acorda logo depois do beck. um porta-malas bate e o carro sai cantando pneus. o cheiro de borracha queimada sobe até o sexto andar. o despertador toca, toca, toca e eu, já acordada há tempos, espero a imagem carregar pra salvar e seguir com os compromissos.

ad eternum é esse momento. porque imagens grandes não foram feitas para computadores pequenos, pouco robuscos e com processadores lentos. a interface gráfica é muito pesada e você precisa respeitar isso.

vc precisa respeitar a imagem que tem de si enquanto se olha no espelho pela primeira vez no dia. quanto você deve a si mesmo? quanto disso você respeita por prazer e quais são puro ofício, cuja responsabilidade te amarra à correspondê-la?

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: