casquinha

28 01 2011

saboto os processos de cicatrização
descascando as feridas.
esses fetiches obsessivos não respondem à tratamentos

se sangro é mais gostoso,
a terapeuta não se impressiona
e uso calças no trabalho.

minhas cicatrizes são tatuagens
a agulha mais precisa é o tempo
como quem guarda uma imagem – com fidelidade:
mudando conforme a pele que a abriga

as marcas são beijos da experiência
que cultivo com todo carinho e devoção
não por alívio ou religiosamente
reparo minha pele, em carne viva
a palidez do seu tecido, ainda fino

não duvidem:
é meu sangue, esse em minhas mãos

Anúncios

Ações

Information

2 responses

28 01 2011
Bob

Para Bob, com amor.

28 01 2011
Guaraná

tu tbm eh assim é?!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: