medicina

30 04 2011

A matéria é invisível. Enxergamos a luz refletida na matéria.

Não sentimos o toque, mas a repulsão eletroestática entre os eletrons aproximados. Se houvesse toque, explodiríamos ao apertar as mãos. E não é que as vezes percebemos uma explosão num abraço ou flutuamos sobre o chão?

A matéria é invisível e intangível. O materialista acredita naquilo que ele não toca e naquilo que ele não vê. É preciso muita fé para isso.


Esse vídeo do Dr Sergio Felipe de Oliveira é cheio de afirmações surpreendentes. O cara, depois passar anos estudando mecânica sub-atômica (sub-partículas), voltou à anatomia humana, pra ser mais específica ao estudo da glândula pineal. Há mais de dois mil anos, a essa glândula é tida como a sede da alma. Os reikianos reconhecem a tradição hinduísta, segundo a qual, sobre a localização da glândula pineal, reside o chacra conhecido como “terceiro olho”, ligado à capacidade intuitiva e à percepção sutil.

Essa série de vídeos é uma gravação de uma palestra que ele fez em 2008 na Universidade Caixias do Sul. Na época, Dr Sérgio já tinha circulado pela maioria das universidades brasileiras, além de Miami, Quebec, Londres, Lisboa, Paris e outras apresentando esse mesmo estudo.

Ainda não cheguei a procurar o que o cara tem feito hoje em dia, mas seu estudo científico merece mais que alguns minutos de atenção.

Anúncios

Ações

Information

One response

2 05 2011
a lógica da quase verdade « posto de gasolina

[…] mais difícil de entender que teorema Gödel, que surgiu quando eu tava pesquisando sobre o post de medicina (Dr. Sergio Felipe de Oliveira, palestrando sobre a glândula pineal). Mas algo simples que poderia […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: